Uma noite daquelas

Louça na pia, chão virado em pó, sujeira e cabelos. Na geladeira uma pizza velha e no armário as opções são reduzidas a miojo. Não, eu não sou uma universitária que mora sozinha. Sou uma mãe que não consegue dar conta de tudo. Por tudo entende-se trabalho, marido, filho, cachorro e mestrado. Observe que os itens da lista não estão em ordem de prioridade.

Hoje foi uma noite daquelas. Além da bagunça, bebê chatinho e mãe irritada. Ou seria simplesmente mãe irritada? É possível, pois minha mente de grávida altamente perturbada pode manipular as situações e fazer com que eu imagine coisa onde não tem.

Daí que tudo me tira do sério. Bebê briga com um prato de arroz, feijão e carne (sim, ele tinha uma marmita garantida), mas enlouquece quando vê o meu miojo (vai entender, né?). Ele também tá na fase de jogar qualquer objeto no chão mil vezes. Eu junto, devolvo, ele joga de novo. Se eu não pego ele fica furioso e começa a bater na própria cabeça ou se jogar para trás. Posso com isso?

Como se não fosse suficiente, depois de alguns meses com o pipi comportado, Vítor resolve fazer xixi no trocador quando tiro a roupa e a fralda para levá-lo pro chuveiro com o pai. Foi a coroação da noite!

Isso sem falar no livro que preciso ler pra quinta e nem tenho a cópia ainda, nos preparativos pro aniversário do Vítor e outras mil coisas na cabeça!

(Eu avisei que posts desabafos poderiam aparecer em breve. Eis o primeiro!)

Comentários Facebook

8 comments

  1. Beatriz Colombelli

    Apenas uma constatação…. Isto tudo passa e daqui a 14 anos você vai pensar… O que vou fazer hoje? Ah! que saudades da bagunça das crianças. Beijos querida.

    View Comment
  2. Elton Etges

    Manda o Vitor para a casa da Vó nesses momentos. E quando ele for fazer xixi no trocador, ela vai até sorrir.
    E o tal do seria simplesmente uma mãe irritada não é bem assim: é simplesmente a Ananda irritada.
    Isso com o tempo passa ou seria, simplesmente, amadurece.

    View Comment
  3. Olá!
    Olha, te entendo viu. Virei mãe, esposa e dona de casa de um dia pro outro, literalmente (sai da casa dos meus pais 15 dias antes da Luna nascer!). E Luna, que sempre foi um ANJO, está numa fase manhosa e chorona, de repente! Acho que tudo é fase e tudo passa, o “problema” é que a próxima fase tb terá pontos positivos e negativos, altos e baixos.
    Força na peruca porque no final tudo vale a pena.
    Beijos,
    Aline
    http://www.decaronanaegonha.blogspot.com

    View Comment
  4. nivsnivs

    Sempre me pergunto se eu é que estou estressada ou se é o bebê que está chato mesmo.
    Delicia essa fase de tudo ao chão, né?
    x

    View Comment
  5. Ananda,

    Acho que consegui visualizar bem a noite de vocês. Tá muito bem descrito. Além disso, já passei por essa situação – aliás, que mãe nunca teve dias ou noites assim? Espero que tu tenha conseguido ler o livro e que a paz tenha se reestabelecido. 🙂

    Beijos,
    Cecília

    View Comment
  6. Benvinda ao clube, amiga!
    Ja ja o Vitor te pede um cachorrinho, passarinho, peixe tbe…rs.
    O bom é que tudo passa mesmo e um dia vc ainda vai rir de tudo isso e lembrar com saudades.
    A gente nao enlouquece não, fica é mais madura mesmo.
    Adoro suas visitas ao blog. Obrigada pelo carinho
    O seu príncipe está lindo, lindo!
    Beijo grande e uma super semana

    View Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *