Como solicitar o seu visto Family Permit para o Reino Unido

Nanda_ProjetoLondres3O Family Permit é o visto que solicitei para me juntar ao Fábio, que possui nacionalidade portuguesa, no Reino Unido.

Ele é gratuito e possui validade de 6 meses, garantindo o direito de viver e trabalhar legalmente em UK.

Parece ser algo de outro mundo a aplicação, mas no geral é super tranquilo o processo. O fundamental é buscar todas as informações possíveis e reunir a papelada direitinho.

Confira os detalhes no vídeo especial que preparei contando um pouco mais de como fiz para solicitar o meu Family Permit.

A solicitação aconteceu em junho de 2016 e a entrega dos documentos foi em São Paulo.

Se você pretende aplicar para o seu visto, veja o passo a passo detalhado.

1 – Busque as informações mais atualizadas no site do governo. Isso porque as regras de imigração mudam constantemente e alterações podem acontecer, especialmente após o Brexit.

2 – Faça o seu cadastro no site Visa4UK e preencha o formulário do Family Permit. Você pode ir salvando e editando ele por mais dias. Eu mesma levei meses para completar, pois quando comecei ainda não tinha todas as informações solicitadas. Uma dica super bacana é ver o vídeo da Monica, onde ela passa questão por questão do formulário tirando dúvidas.

3 – Após completar o formulário, você poderá fazer no sistema o agendamento para entregar a documentação pessoalmente em São Paulo ou no Rio de Janeiro.

4 – Imprima o formulário e junte a documentação necessária para comprovar tudo que você declarou no mesmo. Eu, por exemplo, levei:

– Formulário do site impresso
– Impressão da confirmação de agendamento
– A foto não é mais necessária

Meus documentos
– Meus dois passaportes (atual e anterior), originais e cópias de ambos.
– Cópia da minha carteira de identidade.
– Meu insurance number, original e cópia (só porque eu já tinha e citava no formulário).
– Como não declaro imposto de renda, anexei uma impressão do site da Receita informando que não tem nenhum recebimento meu.
– Declaração de CPF regular.

Documentos do Fábio
– Identidade portuguesa, original e cópia.
– Cópia do passaporte português do Fábio.
– Inscrição consular portuguesa, original e cópia.
– Contrato de trabalho no Reino Unido.
– 1 payslip.
– Cópia do insurance number.
– Declaração de imposto de renda brasileiro.

Financeiro
– 6 últimos contracheques (meus).
– 6 últimos extratos da minha conta corrente.
– 6 últimos faturas do meu cartão de crédito.
– 6 últimos extratos de conta corrente de duas contas bancárias que o Fábio tinha no Brasil.
– Comprovante de conta bancária do Fábio no Reino Unido.
– Como eu vendi minha parte em uma empresa na qual era sócia e declarei tal entrada nos meus dados financeiros, anexei o contrato social da empresa e uma declaração em português e inglês (eu mesma que traduzi) assinada pela pessoa que está comprando a minha parte, informando o valor mensal de pagamento e até quando vai.

Comprovantes de relacionamento
– Certidão de nascimento do Vítor e da Clara, originais e tradução juramentada (original e cópia).
– Cópia da identidade brasileira do Vítor e da Clara.
– Inscrição consular portuguesa do Vítor e da Clara, original e cópia.
– Contrato de união estável, original e tradução juramentada (original e cópia).
– Comprovantes de endereço (contas minhas e do Fábio com o mesmo endereço, em anos diferentes).
– BO de quando fomos roubados em Madri, em 2010. No BO constava o nome de nós dois. Era o primeiro documento oficial, digamos assim, que eu tinha com ambos nomes.

Documentos para nossa chegada no Reino Unido
– Carta do meu cunhado dizendo que vai nos receber até a gente encontrar uma casa.
– Cópia do contrato de aluguel do meu cunhado.
– Council tax da casa.

No site do governo não exige uma receita de bolo com item por item do que você deve entregar. Eu fui montando a minha própria lista a partir de sugestões que vi em outros blogs, com o maior número de documentos possíveis, para tentar garantir que não faltava nada.

5 – Depois de reunir a papelada, você deve comparecer no agendamento com tudo em mãos. Não é feita nenhuma entrevista. Você entrega tudo, tira foto e tem a parte do biométrico. Tudo não deve levar mais de 20 minutos.

6 – No agendamento você também escolhe como quer fazer para receber os seus documentos de volta. São 3 opções:

– Retirada no mesmo local da entrega: você é avisado quando pode retirar tudo
– Envio por Sedex para a sua casa: custo de R$ 82, tempo de entrega varia conforme CEP
– Envio por entrega internacional: custo de R$ 250, forma mais rápida, pois os documentos vão direto de Bogotá (central de vistos) para a sua casa

Eu escolhi a segunda opção e todo processo levou 12 dias corridos. Hoje olhando parece que foi mega rápido, mas enquanto eu esperava parecia ser uma eternidade! Isso porque você vai recebendo emails com o andamento do processo, mas só descobre se o visto foi aprovado quando a documentação chega na sua casa e você abre o passaporte. Que nervoso, né?

DSC_0052Ao todo, recebi 5 emails informando sobre o processo. Apliquei na sexta, 17 de junho, e as comunicações foram as seguintes:

– Update 1 em 20/06, informando que a solicitação tinha chegado em Bogotá
– Update 2 em 22/06, dizendo que meu processo estava com um oficial para análise
– Update 3 em 22/06, declarando que o oficial já tinha uma decisão sobre o processo
– Update 4 em 28/06, dizendo que meu processo tinha voltado para São Paulo e a documentação seria enviada para mim pela opção escolhida (no meu caso o Sedex)
– Update 5 em 28/06, com o rastreio dos Correios

Daí já no dia 29 recebi tudo certinho em casa! Emoção depois da ansiedade da espera!

Confira também: Bastidores do meu pedido de visto: Family Permit para UK

Por fim, quero deixar algumas referências que me ajudaram na pesquisa para o Family Permit:

Entre ir & vir
Partiu
Brasil na Terra da Rainha
Arrumei as malas e parti

*Correção: a solicitação do visto só pode ser feita em SP e no RJ, não em Brasília como dito no vídeo.

Comentários Facebook

33 comments

  1. Pingback: Family Permit – London's Life

  2. Luiza

    Oi, Ananda. Tudo bem aí em Londres?
    Eu estou no processo de aplicação para o family permit também e, como não declaro imposto de renda, a obtenção do comprovante de não declarante é o documento mais problemático para mim. Vi no seu post que você anexou uma impressão do site da Receita e declaração de CPF regular.
    Não consigo achar esse comprovante no site da Receita para fazer igual a você e o link do CPF regular não parece funcionar mais. Você pode me enviar o link da página da Receita de onde você imprimiu o seu documento?
    Por fim, gostaria de saber se você traduziu (com tradutor juramentado ou não) essas certidões que são emitidas em português nos sites oficiais.
    Muito obrigada por compartilhar sua experiência. Tem sido de grande ajuda!

    View Comment
  3. Tânia

    Olá Ananda. Parabéns pelo artigo.
    Por favor me ajude. Meu marido está em winsford. Eu e neu filho pretendemos juntar-nos a ele.
    – Os documentos que ele vai enviar para mim são copias de: contrato de trabalho, payslip, extratos de conta, declaração do trabalho e contrato da casa, copia do ppassaporte e cartão de cidadão. Estes documentos têm que ser originais ou copias autenticados ou apenas copias sem autenticação basta?
    – Por outro lado, os documentos de identificação devem ser traduzidos?

    Muito obrigada.

    View Comment
    • Ananda Etges
      Author

      Oi Tânia,

      Já falamos pelo Facebook, certo? Meu marido enviou tudo original para mim. Os únicos documentos que traduzimos foi: certificado de união estável + certidão de nascimentos dos filhos. Abraço!

      View Comment
  4. Thais

    Eei , estou fazendo minha aplicação do familly permit , e meu agendamento será semana que vem . A foto não é mais necessário levar ?

    View Comment
  5. Wally

    Olá, tudo bem? Minha Namorada Tem Cidadania Italiana, e pretendemos passar uma temporada em UK no proximo Ano, para que eu consiga o Family Visa(que possa trabalhar tbm) é necessario que sejamos casados oficialmente ou apenas a união estavél já seve?

    Obrigado

    View Comment
  6. Juliana Andrade

    Ola Ananda td bem ? Tenho a cidadania italiana e preciso tirar o visto family permit pro meu marido, pois vamos nos mudar de vez pra londres e tenho 2 filhos que sao cidadaos americanos , No caso as criancas tambem precisa desse visto ? pois ainda nao tirei o passaporte italiano deles.
    Obrigada.

    View Comment
    • Ananda Etges
      Author

      Oi Juliana,

      Não tenho certeza! Meus filhos têm documentação portuguesa, então para eles não fiz visto. Desculpa não conseguir ajudar. Abraço!

      View Comment
  7. Tânia

    O visto saiu. Muito muito obrigada Anada.dei certo Deus. A todos que continuam nessa luta, muita força e principalmente fé. Vai dar certo. Obrigada

    View Comment
  8. Bruno

    Olá. Na hora de preencher o UK VISA eles pedem o local onde estou morando. Minha esposa e eu estams na Itália com residencia para tirar a cidadania dela. Então eu coloco nosso endereço no brasil ou o da Itália? Muito obrigado.

    View Comment
    • Ananda Etges
      Author

      Oi Bruno,

      Desculpa, mas não sei responder com certeza. Mas acredito que você deve usar seu endereço na Itália.

      Abraço!

      View Comment
  9. Breno Lourenço

    Um bom dia Ananda, tudo bem ? estou lendo seu check list, para aplicar ao Family Permit .. tenho algumas dúvidas, voce poderia ajudar ? aliás, gostaria primeiro de elogiar porque ficou muito explicativo, bem certinho ! legal, já que nao existe uma receita de bolo, a gente se orienta pela sua hehehe

    1- Declarações de Imposto de Renda e Recibos (necessário traduzir ?? )
    2 – Inscrição consular portuguesa, original e cópia (isso é aquela carteira de cidadão português ??)
    3 – Extratos bancários, faturas, comprovantes de endereço (necessário traduzir ??)
    4 – Carta de quem vai receber a gente na Inglaterra – você teria um modelo pra mandar?
    5 – Declaração de CPF regular (necessário traduzir ??)

    Muito obrigado desde já !

    View Comment
    • Luiza

      Oi Breno! Eu fiz o meu Family Permit (abril/2017) recentemente e o artigo da Ananda me ajudou bastante. Vou responder algumas das suas dúvidas que eu também tinha.
      Você perguntou sobre tradução (perguntas 1, 3 e 5) e a resposta que eu lhe dou é que não precisa traduzir esses documentos. O original é suficiente. Os documentos que devem ser traduzidos sao as certidoes de casamento, nascimento, etc.
      Fique ciente de que o meu conhecimento é puramente em razão da minha experiência e do que pesquisei quando apliquei para o FP. Continue pesquisando pra ter certeza. Boa sorte!
      P.s.: Não precisa tirar foto de passaporte. Eles tiram na hora que você for entregar os documentos. Eu tirei duas vezes pra ficar perfeito e depois percebi que gastei dinheiro por nada. 🙂

      View Comment
      • Breno Lourenço

        Oi Luiza, tudo bem ? te agradeço muito pela resposta ! a gente fica meio perdido em meio a tanto documento e tanto procedimento hehehe visto que não existe receita de bolo né .. então o jeito é ir contando com as experiencias dos companheiros que já fizeram e deu certo hehehe

        no caso, a inscrição consular e a carta de quem vai nos receber, voce possui experiencia com essas ?

        obrigado !

        View Comment
      • Luiza

        Nao sei informar sobre a inscrição consular. Eu nao precisei de carta-convite, mas sei que tem vários modelos online.

        View Comment
    • Ananda Etges
      Author

      Oi Breno! Não ando tão presente no blog, então desculpa a demora para responder.
      Sobre 1, 3 e 5 nada traduzi. Apenas mandei em português.
      2 – Nós ainda não tínhamos a carteira de cidadão, por isso mandei a inscrição consular, que é um papel de cadastro no consulado, como uma espécie de comprovação que você está registrado naquele determinado consulado.
      4 – Não tenho mais o modelo, infelizmente. Mas era bem simples e direta, nos modelos de carta em inglês que você consegue achar pela internet (para ver posição de data, etc.).

      Boa sorte!

      View Comment
  10. Breno Lourenço

    inclusive tenho uma outra dúvida, se voce souber também … cita que o passaporte tem que ser original e cópia … a cópia é de quais páginas ? todas, mesmo que em banco ? tanto para o europeu quanto para o brasileiro ? obrigado !

    View Comment
    • Luiza

      Breno, pela minha experiência, só precisa de cópia (devidamente autenticada) quando não é possível enviar o passaporte original. No meu caso, o meu marido estava no UK e por isso eu apresentei cópia autenticada do passaporte dele e o meu foi só o passaporte original mesmo.
      Na hora de entregar os documentos, o funcionário fez cópia do meu passaporte na hora (e cobrou o valor da xerox) de todas as páginas que tinham algum carimbo ou informação relevante. Ele nao tirou cópia das páginas em branco.

      View Comment
  11. Breno Lourenço

    Obrigado Luiza ! leterei os meus 2 passaportes então, o antigo e o novo, para que o conferente possa tirar as xerox … sem problemas.

    View Comment
  12. Breno Lourenço

    Obrigado Luiza ! levarei os meus 2 passaportes então, o antigo e o novo, para que o conferente possa tirar as xerox … sem problemas.

    View Comment
  13. Breno Lourenço

    Luiza, voce possui um email ou alguma forma que eu possa falar contigo e eu poderia entrar em contato para tirar algumas dúvidas mais se possível ? te agradeço demais pelas orientações !

    View Comment
  14. Sandra

    Boa tarde desde já obrigado pelo site, eu sou portuguesa e o meu marido tunisino com cartão de residência EEA de Portugal. Estamos em Uk ele tem apenas o visto de turista e uma declaração de oferta de trabalho aqui, eu tenho já conta bancária aqui, o insurance number , comprovativo de morada e propostas de emprego, estamos provisóriamente na casa do meu irmão. Para o meu marido tirar o EEA e preciso ir a Portugal ou pode apply aqui para começar a trabalhar? Aguardo ansiosamente a resposta. Desde já um muito obrigada e muitos parabéns pelo site.

    View Comment
    • Ananda Etges
      Author

      Oi Sandra! Perdão, mas não sei como você deve proceder. Eu apliquei do Brasil antes de vir e meu marido europeu estava em UK. No entanto, já vi relatos de pessoas que aplicaram para o Family Permit de 6 meses no aeroporto, ao chegar na Inglaterra. Aconselho que você dê uma olhada no site oficial do governo. Abraço e boa sorte!

      View Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *