Dicas para organizar um chá de bebê

O sonho de ter um bebê e formar uma família é algo bastante especial e importante para qualquer casal.

Gestante

Após descobrirem que estão grávidos, a organização para a chegada do seu filho se inicia. São diversos passos para organizar até a sua chegada, sendo um deles o chá de bebê.

Organizar um chá de bebê é algo bastante simples o pode ser feito gastando pouco e mesmo assim ser um sucesso com relação à organização.

Além de alegrar a todos os convidados, não é incomum que retribuam com presentes infantis como vestido de bebês ou algum brinquedo divertido!

A seguir, iremos dar algumas dicas de como organizar um chá de bebê completo, portanto, continue a leitura desse artigo e tire todas as suas dúvidas.

Quando começar a organizar um chá de bebê?

Chá de bebê
Esse evento tão esperado pelas mamãe e papais é algo que causa bastante ansiedade. Para eles, é uma espécie de confirmação de sua gravidez e publicização para as pessoas próximas.

Portanto, é bastante indicado que se inicie o processo de organização do chá de bebê entre o 7º e 8º mês de gestação, já bem próximo de seu nascimento. Nessa altura da gravidez, a mulher já não sentirá tanto os efeitos dos enjôos e vômitos, portanto, ela poderá desfrutar um pouco mais do momento e da comida.

Veja também nosso artigo sobre cuidados durante a gestação.

O que fazer para comer em um chá de bebê?

Um chá de bebê geralmente proporciona uma grande variedade de coisas que podem ser servidas, a depender do horário que se passará.

Por exemplo, caso o chá seja pela manhã, é interessante servir um brunch, contendo saladas, canapés, tortas, omeletes, frios e frutas, bolos, queijos e pães.

Já se o chá de bebê for pela tarde/noite, vale a pena servir um lanche mais variado como salgados, doces, bolos, tortas, mini pizzas, etc.

Para um chá de bebê mais simples, há diversas opções de fast-foods como hambúrgueres, pizzas, batatas-fritas, salgadinhos, empadas, coxinhas, pastéis, entre outros. Há também opções saudáveis como saladas de fruta, legumes, verduras, pratos veganos, etc.

Como preparar um chá de bebê simples e barato?

Embora a maior parte das pessoas acreditem que organizar um chá de bebê é algo bastante caro e fora da realidade, na verdade não é o que acontece.

Existem opções que ajudarão bastante na hora de economizar, algumas delas são: economia na hora dos convites, podendo fazê-los de forma online, uma vez que a maioria absoluta das pessoas utilizam redes sociais para se comunicar.

Portanto, já se torna um gasto a menos com impressão desses papéis; ao invés de comprar um bolo ou torta de verdade, utilize o bolo de fraldas, um bolo que na verdade possui apenas o seu formato igual ao original, mas em sua composição contém fraldas descartáveis; seja criativo na hora das lembrancinhas.

Existem milhares de opções que são baratas mas que ao mesmo tempo são bastante fofas, como por exemplo um pequeno vaso com um mini cacto.

É algo barato mas ao mesmo tempo inovador; recicle garrafas pet para utilizar na decoração, pois além de economizar na decoração, ainda estará fazendo um ato sustentável.

Utilize bastante balões infláveis e papéis na decoração, pois são itens fáceis de encontrar e com preços baixos, mas ainda sim oferecem uma excelente variedade de decorações possíveis.

Por fim, uma atitude que inicialmente pode parecer invasiva mas que devido ao atual cenário sanitário que estamos passando, é totalmente plausível, convide poucas pessoas, pois mesmo que evite ao máximo grandes gastos, quanto mais pessoas forem convidadas, inevitavelmente o dinheiro para organizar o chá de bebê terá que ser em maior quantidade.

O que não pode faltar na mesa de chá de bebê?

Geralmente, os chás de bebê são feitos no fim da tarde e começo da noite, portanto, há diversas opções de pratos que podem ser oferecidos na ocasião.

O bolo ou torta é algo que não poderá faltar nessa hora, além de comidas como creme de galinha, arroz, strogonoff, entre outros. Em alguns casos, é possível também oferecer algumas bebidas alcoólicas para os convidados.

Guloseimas como pastéis, coxinhas, canoles, brigadeiros e outros tipos de doces também são indispensáveis nessa hora.

Como fazer uma lista de chá de bebê virtual?

Hoje em dia existem diversas plataformas que poderão fazer esse procedimento de maneira automatizada, portanto, basta escolher a que mais lhe agrade e dar sequência aos procedimentos.

Escolhida a plataforma, o próximo passo é indicar o nome de bebê, a data de nascimento e quando será realizado o chá de bebê.

Feito isso, escolha as pessoas que irão participar e indique seus nomes. Há opções de personalização do convite dentro da plataforma, onde os pais poderão escolher aquela opção que mais se parece com a ocasião, tornando muito mais fofo o convite.

Após isso, será possível escolher os presentes que deseja receber e fazer uma lista, personalizado da maneira que achar melhor.

Concluído esse passo, basta compartilhar o link através das redes sociais como facebook, whatsapp, instagram, twitter ou qualquer meio de acesso com os convidados e com as pessoas escolhidas que eles irão ter acesso a todas as informações relacionadas ao chá de bebê e aos presentes escolhidos pelos pais para o bebê.

Caso opte, poderá ao invés de presentes, disponibilizar a opção de contribuição, onde o convidado doa um valor específico para ser usado pelos pais. Escolha uma imagem interessante e que represente bem a ocasião, pois isso fará com que os convidados se sintam mais confortáveis em sua participação no chá de bebê online.

Vale lembrar que é indicado enviar esse convite algumas vezes antes da data do evento, pois é possível que as pessoas acabem esquecendo, portanto, enviar um ou dois dias antes da data marcada é de grande importância para refrescar a memória dos convidados. E aí, restou alguma dúvida a respeito desse tema? Se sim, deixe seu questionamento nos comentários ou envie diretamente pelo nosso e-mail. Retornaremos o mais rápido possível.