Como Trabalhar Em Casa: Conheça A Área Em Maior Crescimento



Você também está em busca de uma forma de trabalhar em casa? Pois saiba que esta é uma nova tendência, e que há muita competição para quem está buscando este upgrade na vida profissional.

Home office é a área com o maior crescimento da década. No final de 2018 eram mais de 2 milhões de habitantes, mas em 2020, em meados de setembro, o número estimado de brasileiros a trabalhar em casa era de mais de 8 milhões.

Claro, apesar da competição, se várias pessoas estão migrando para esta área é porque grandes benefícios ela pode oferecer.

Continue acompanhando, então, para aprender as vantagens de trabalhar home office e como conseguir o seu espaço online.

 

Como trabalhar em casa? Quais as possibilidades?

Pode ser óbvio para muitos, mas não para outros: o que possibilita que o trabalhador exerça sua função de casa é a internet.

Além dela, é necessário que se tenha um computador ou um aparelho celular com alguma potência para que se possa realizar atividades digitais. No entanto, o mais comum é que se trabalhe do computador mesmo.

O número de pessoas trabalhando em home office cresceu absurdamente nesta década, muito pela pandemia, mas também pelas facilidades e a popularidade que a internet tomou e oferece.

As opções mais populares são: se tornar um freelancer e investir em um e-commerce.

Em ambos os casos, você precisará expandir seus conhecimentos sobre a internet para fazer sucesso em sua nova tentativa.

 

O que é Freelancer?

Literalmente, um freelancer é um trabalhador sem vínculos com o empregador para quem se trabalha. No entanto, o termo está altamente difundido para definir quem trabalha pela internet de maneira independente, normalmente com um emprego que envolva habilidades digitais.

Entre as inúmeras funções que um freelancer pode exercer e se especializar para trabalhar em casa, estão:

        Realizar Traduções

        Corrigir Textos

        Preparar Apresentações

        Design Gráfico

        Profissional De Inúmeras Áreas Do Marketing Digital

        Atendente Digital

        Desenvolvedor De Sites

        Desenvolvedor De Sistemas

        Gerenciador De Redes Sociais

A lista é gigantesca e se expande a cada dia, pois novas e novas demandas vão surgindo no mercado.

Para que você possa se tornar um freelancer de sucesso, você precisa desenvolver um portfólio online, investir no seu marketing pessoal, acessar inúmeras plataformas de freelancer e ir adquirindo experiência. Resumidamente, esta é a jornada de um freelancer.

Se você não possui um portfólio ou ainda não é proficiente em nenhuma destas capacidades, não se preocupe: ninguém começa sendo freelancer sendo um especialista.

Recomendo que você realize alguns projetos gratuitos dentro das áreas que você possua um conhecimento mínimo, escolha, então, a área em que você manda bem e gosta de atuar, e invista a fundo para se tornar um pouco melhor a cada dia que passa.

Conforme for conseguindo projetos, adicione-os em seu portfólio e lembre-se de enviá-los para seus clientes em suas propostas.

 

O Que É E-Commerce?

Basicamente e-commerce é um sinônimo de loja virtual. Muitas marcas tiveram suas vendas prejudicadas por causa da pandemia e precisaram migrar para a internet e realizar vendas online desde o início de 2020.

No entanto, esta não é a principal razão do e-commerce ter crescido tanto. A verdade é que as vendas online são extremamente vantajosas tanto para o consumidor quanto para o empreendedor.

Entre os benefícios para o consumidor estão:

        Menor custo com deslocação.

        Maior possibilidade de consulta de preços.

        Compras mais rápidas.

        Fazer compras dentro de casa.

        Não correr riscos de violência na rua com seu novo pertence.

        Maior objetividade para fazer consultas sobre o produto desejado.

Já para o empreendedor, podemos ressaltar:

        Menor custo com marketing.

        Maior alcançabilidade de pessoas.

        Maior flexibilidade para vendas (dropshipping, marketplaces, e-commerce tradicional, etc.).

        Menor custo de manutenção.

        Ferramentas de automação de marketing e manutenção.

        Não há necessidade de contratação e treinamento de uma equipe.

Além de tudo, a visibilidade que as redes sociais podem trazer para um produto são imensas, então com uma marca forte e com uma missão bem definida, fica até fácil conseguir publicidade com os maiores influencers da internet e aumentar seu número de vendas.

Para iniciar um e-commerce, você precisará estudar sobre as ferramentas de gerenciamento de conteúdo, se acostumar com os menus e lançar o seu site.

Se você tem facilidade com explorar e aprender novas ferramentas, irá tirar de letra. No entanto, se esta não for sua praia, você sempre poderá encontrar mão de obra qualificada e por um baixo preço nas plataformas de freelancer, contratando novos profissionais que começaram a trabalhar de casa para lhe ajudar com seu novo negócio.


Postagem Anterior Próxima Postagem