Enquanto espero

Enquanto espero faço listas, faço planos, leio, estudo, escrevo.

Curto o Vítor. Amasso. Abraço. Agarro. Dou colo. Beijos. Digo não. Digo sim. Ensino. Tento ensinar.

Como, tenho azia. Sinto dor. Coluna. Coluna. Coluna.

Vivo um pouquinho de tudo. Das aulas, do trabalho, da família, da casa.

E assim já se passaram praticamente 30 semanas.

Comentários Facebook

3 comments

  1. Caraca, Ananda!!!!!!
    Tô tão ausente da blogosfera que não sabia que você estava grávida de novo!!!
    PARABÉNS!!!
    Menina, que pique, hein!!! Seu primeirinho tem quase a idade do Nuno, não?
    Que demais!!!
    beijo grande em você, na barriga e no fofo do Vítor.
    Thaís

    View Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *