Round 1: briga entre irmãos

Faz um bom tempo que a fase da briga entre irmãos começou. Eu juro que pensei que ia passar, pois já tivemos momentos de melhoras. Mas olha… agora o fight tá tenso de novo.

via GIPHY

É todo santo dia. Começa com um empurrão. Depois um pega o brinquedo do outro. Daí entram as provocações. Quando vejo estão rolando no chão.

O Vítor está com 4 anos e a Clara com 3. A diferença de idade é de 1 ano e 5 meses. E a previsão de fim na pancadaria, alguém consegue me dizer?

Eu me sinto uma verdadeira juíza tentando mediar a situação. Tento entender como a briga começou e explico mil vezes aquele blá blá blá de não-pode-bater-em-ninguém-não-é-legal-etc-e-tal. Mas e quem diz que me escutam? Minutos depois já estão em gritos e tapas.

irmaos

Parecem tão fofinhos, mesmo sujinhos e suados, mas não se engane

Como já tentei diferentes estratégias sem sucesso acabei tendo uma ideia diferente. Hoje os dois vão fazer uma aula experimental de Muay Thai. Eu já contei aqui no blog que fazia aulas e adorava. Conversando com o professor, veio a ideia de direcionar a atividade para uma turma infantil.

O objetivo é fazer com que eles gastem a energia na aula e aprendam sobre respeito. O Muay Thai trabalha com autocontrole e equilíbrio nas pessoas que o praticam, através de disciplina e foco. Por isso, penso que pode ser uma atividade importante como estratégia para amenizar as brigas.

Desejem sorte! Agora ou a coisa acalma de vez ou vou ter que comprar uns sacos de porrada para sala.

E por aí, os irmãos também brigam muito? Dicas, orações ou palavras de conforto?

Comentários Facebook

4 comments

  1. Luiza

    Oi Ananda! Uma vez eu li que boa parte das brigas entre irmãos são alimentadas pela vontade justamente de que a mãe (ou pai, ou cuidador) interfira e julgue o assunto – de preferência a seu favor, rs. Acho que a recomendação era simplesmente não se meter e deixar que eles se resolvam… parece ousado, né? Meu bebê ainda é filho único e só tem onze meses, então não tive chance de testar essa teoria na prática, hehe
    Boa sorte com o muay thai! 🙂

    View Comment
    • Ananda Etges
      Author

      Oi Luiza! Pois é, parece ousado mesmo. Mas é bem assim que eu me sinto: uma juíza de irmãos. Mas vamos ver se com o tempo melhora! O Muay Thai parece estar sendo bacana para eles. Beijos!

      View Comment
  2. Pingback: Muay Thai para crianças - Projeto de Mãe | Projeto de Mãe

  3. Jovelina Rodrigues

    Oi Ananda….estou adorando seu blog. No desespero em como cuidar de 2 bebes me deparei com seu blog, não sei se fico aliviada ou ainda mais desesperada. Minha Bebe está com 1ano e 2 meses e eu grávida de 4 meses, estou me descabelando de preocupação em como dar conta.

    View Comment
    • Ananda Etges
      Author

      Oi! Nossa, eu posso imaginar como tu te sente. Eu também tinha muito receio de como seria quando a Clara chegasse e de fato os primeiros meses foram insanos. Mas a gente vai se adaptando! Boa sorte por aí e uma excelente gravidez. Beijos!

      View Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *