Como acertar no presente de Dia das Crianças?

presente de Dia das Crianças

Conhecer os gostos e as preferências da criançada é o primeiro passo para dar o presente certeiro.

O Dia das Crianças está próximo, e uma velha dúvida volta a atormentar a vida dos pais: como ter certeza de que o presente escolhido agradará? A diversidade de produtos permite que você tenha uma extensa variedade de opções. Porém, isso pode deixar os pais ainda mais perdidos antes de fazer a compra.

A escolha não depende apenas dos gostos da criança. O presente deve corresponder à realidade financeira da família, sendo compatível com a renda familiar. Quem tem mais de uma criança em casa também precisa pensar em uma opção que permita que todos possam se divertir com o presente. Se você não quer errar, saiba que algumas dicas valiosas ajudam a tornar essa escolha certeira. Veja algumas delas abaixo.

Participação da escolha

Uma forma de evitar frustrações é justamente permitir que a criança participe da escolha. Ouça a opinião dela e conheça o que ela gostaria de ganhar. Esta é uma maneira, inclusive, de você ter mais opções para escolher.

Entretanto, converse pacientemente com ela e esclareça, de forma compreensível, que existem limitações financeiras. Não é porque ela quer ganhar determinado brinquedo que esse presente será possível. Explique qual é o teto máximo de gasto, veja o que ela deseja e possa enquadrar-se nesse orçamento.

Gostos e preferências

Caso você opte por fazer uma surpresa, procure conhecer, de antemão, os gostos dela e o que ela tem mais afinidade. Se ela gosta de brincar com jogos de tabuleiro, por exemplo, talvez, não seja uma boa escolha presenteá-la com um carrinho ou um boneco. Lembre-se de escolher algo que respeite a idade e as limitações da criança.

Brinquedos educativos

Para crianças pequenas, uma escolha saudável são brinquedos educativos. Eles ajudam a estimular várias áreas dos pequenos, como afetividade, criatividade, inteligência, coordenação motora e socialização com os demais. O fato de muitos deles serem interativos ajuda ainda mais a criar esse estímulo.

Atenção aos riscos

Acertar no presente também inclui compreender quais são os riscos que certo brinquedo pode oferecer à criança. Aquelas que são muito novas, por exemplo, podem acabar ingerindo ou engolindo uma parte do objeto, colocando sua integridade física em risco. Procure conhecer os componentes e o funcionamento do item escolhido antes de comprá-lo.

Brinquedos coletivos

Se a criança tiver irmãos, uma boa escolha é você dar um presente que permita ser compartilhado ao mesmo tempo. Jogos de tabuleiro, cartas, carrinhos e bonecas são algumas das escolhas possíveis para que todos se divirtam juntos.

Agora, caso a criança seja mais introspectiva e prefira brincar por conta própria, também existem boas opções. Corda para pular, blocos de montar, lousa mágica e até livros, se ela já tiver domínio de leitura, são boas escolhas para presenteá-la.

Cuidados ao comprar

Um presente também pode ser considerado certeiro se os pais não passam por muitos apertos para comprá-lo, nem se arrependem da compra. Para ter certeza disso, alguns cuidados são necessários.

Ao ir à loja, certifique-se de que tudo o que é anunciado pelo brinquedo é real, para não correr riscos de ser enganado pela propaganda. Também confira se os mecanismos de funcionamento, como bateria e pilha, estão em ordem: peça ao vendedor para tirar o objeto da embalagem e testá-lo.

Além de ter a certeza de que o produto não está danificado, exija a garantia de origem do brinquedo e verifique se ele atende aos certificados de segurança estabelecidos pela lei. Se você for comprar pela internet, observe se o item está em estoque e irá chegar dentro do prazo, para que a criança não o receba atrasado.

Postagem Anterior Próxima Postagem