5 cursos para quem quer trabalhar em casa

Trabalhar em casa é um sonho pra muita gente: não ter que pegar trânsito ou ter flexibilidade de horários são fatores determinantes para muitos que estão a procura de uma profissão.

Curso para trabalhar em casa

Seja você dono do próprio negócio ou funcionário CLT em home office, trabalhar em casa é bem possível para diversas carreiras.

Como por exemplo quem faz Estácio Sistemas de Informação, um curso que possibilita o trabalho de casa já que muitas vezes só é necessário um computador com acesso a internet para desempenhá-lo.

Quer saber mais sobre o assunto? Acompanhe.

Trabalhar em casa: a tendência do home office


Segundo uma pesquisa do IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 8,6 milhões de pessoas estão trabalhando em casa. Dessas, 31,1% possuem graduação completa ou pós-graduação. Isso tudo por conta da disseminação do vírus da Covid-19.

Dessas pessoas que estão em casa, foram entrevistadas 700 que, segundo a fintech Husky, tem as seguintes características: 54,4% trabalham com desenvolvimento de software, 9,2% com marketing, 9,5% são donas do próprio negócio e 4,6% trabalha na área de vendas.

Dessa forma, afirma-se que o futuro do trabalho pós pandemia será híbrido. Em outras palavras: parte será feito em home office e parte presencialmente. Mas isso não impede que as pessoas continuem trabalhando somente de casa se sua profissão permitir.

Por conta disso, vamos apresentar 5 cursos para quem quer trabalhar em casa.

1. Sistemas de Informação


Como já mencionamos no início, o profissional que faz o curso de Sistemas de Informação é um dos que têm a possibilidade de trabalhar em casa. Isso porque ele trabalha com gestão de tecnologia da informação nas organizações.

Por mais que o profissional dessa área esteja empregado em regime CLT, ainda assim ele tem possibilidade de exercer sua profissão de casa.

Ele trabalha com aplicação das ferramentas computacionais e metodologias de projetos, além de utilizar equipamentos de informática na produção de sistemas.

Além disso, pode trabalhar como consultor ou orientador nas empresas, uma vez que tem domínio da tecnologia no sentido de auxiliar na tomada de decisão.

2. Computação


Seguindo a mesma tendência de Sistemas de Informação, os demais cursos relacionados à Tecnologia da Informação (TI), são cursos que, geralmente, permitem que o profissional possa trabalhar em casa.

O profissional da ciências da computação que trabalha como desenvolvedor de software, por exemplo, só precisa de um bom computador e acesso à internet para poder trabalhar.

Ainda que o profissional trabalhe em equipe de desenvolvimento, é possível que ele faça sua parte de casa e, talvez, participe de algumas reuniões presenciais. No entanto hoje existem muitas opções de tecnologia que facilitam esse tipo de reunião de forma online.

3. Jornalismo


Quem trabalha com elaboração ou revisão de textos também entra na categoria dos que precisam apenas de um computador com acesso à internet para desempenhar sua função.

Além disso, é uma profissão que requer concentração e silêncio, o que pode ser uma ótima pedida para quem prefere trabalhar em casa. Isso porque as redações de jornais e escritórios possuem uma série de distrações como clientes, telefones, conversas, entre outras.

Se o profissional for um jornalista de notícias, a procura pelas fontes, investigação de fatos e verificação de veracidade também podem ser feitas de maneira online e de qualquer lugar.

Dessa forma, é possível que profissionais da área possam realizar suas tarefas de casa, mesmo que de vez em quando precisem de reuniões presenciais.

4. Marketing


Seja um profissional que trabalha para uma empresa estabelecendo estratégias mercadológicas ou construindo a imagem de uma marca ou produto, ou seja o profissional que trabalha com análise de marketing digital, esses também podem trabalhar em casa.

Inclusive, é uma das grandes profissões do momento. Um gerente de mídias sociais, por exemplo, pode ter uma remuneração de até R$ 10.800,00 por mês segundo a ABRADI - Associação Brasileira dos Agentes Digitais.

Por conta disso, o profissional de marketing pode trabalhar como autônomo ou vinculado à agências de marketing ou publicidade e exercer sua profissão em home office.

5. Letras


Que faz o curso de letras e depois quer trabalhar como professor particular, por exemplo, pode trabalhar em casa.

Agora, se você quer dar aulas online no formato EAD, também pode exercer esse trabalho de casa.

Seja qual for a sua área de estudo, se línguas estrangeiras, literatura ou libras, se você fez o curso de letras, existem inúmeros trabalhos que podem ser feitos em home office.

Inclusive, professores de idioma costumam trabalhar bastante de casa, muitos dando aulas individuais a seus alunos.

Qual seu curso favorito para trabalhar em casa?


Se você escolheu seu curso favorito para poder trabalhar em casa, saiba também que essa escolha deve ser feita de forma consciente. Isso porque o trabalho em home office exige um certo nível de comprometimento, foco e organização.

É preciso saber separar as a hora de trabalhar e de fazer as atividades da casa, bem como é preciso muita capacidade de adaptação.

E você, tem vontade de trabalhar em casa?
Postagem Anterior Próxima Postagem